Feira de Sementes tem abertura em tom de protesto



A abertura da 8ª Feira Estadual das Sementes Crioulas e Tecnologias Populares, neste sábado (07), foi marcada por tom de protesto. Durante o protocolo diversas  autoridades e representantes de entidades ligadas aos agricultores e movimentos sociais criticaram a postura dos governos estadual e federal com relação a falta de incentivo a agricultura familiar e a necessidade de renovação nas políticas públicas para o setor.

Prefeitos, secretários e vereadores de vários municípios da região prestigiaram o ato de abertura. Para João Carlos Caldeira, coordenador de programas da Secretaria do Desenvolvimento Rural, neste ato representando o Governador do Estado, ressaltou que o pais vive um  momento de crise ética e econômica.

Fabris Prestes, presidente do evento, destacou a importância do trabalho dos agricultores  no resgate das sementes crioulas e da necessidade de mais apoio dos governantes para o setor.